Para falarmos de DRE, primeiro precisamos falar de Financeiro ➡️ Centro de receita/despesa. 

          Os centros de receita/despesa permitem separar as despesas e receitas da sua academia, o que entra de valores e o que sai, separando do jeito que achar melhor.

          Você precisa criar o centro de despesa para saber o quanto está custando administrar cada departamento já a ideia do centro de receita é segmentar as vendas.

Para fazer com que seu DRE em seu EVO é necessário vincular seus centros de receita/despesa no lugar certo do DRE. 

Este relatório possui uma sequência bem ordenada de cálculos, feita para qualquer empresa, independentemente do porte ou do volume de vendas. De acordo com a estrutura a seguir:

          ◻️ (+) RECEITA OPERACIONAL BRUTA - É o montante que a empresa efetivamente recebe pelas vendas de seus produtos
          ◻️ (-) DEDUÇÕES DA RECEITA BRUTA - Representa os descontos oferecidos e abatimentos de impostos que incidem diretamente sobre a venda, como ICMS, ISS etc.
          ◻️ (=) RECEITA OPERACIONAL LÍQUIDA - Resultado da Receita de Vendas menos as Deduções
          ◻️ (-) CUSTOS DAS VENDAS - Gastos relacionados a sua prestação de serviços.
          ◻️ (=) RESULTADO OPERACIONAL BRUTO - Resultado da Receita Líquida menos os Custos.
          ◻️ (-) DESPESAS OPERACIONAIS - Essas despesas incluem itens como folha de pagamento, aluguel, material de escritório, serviços públicos, marketing, seguros e impostos.
          ◻️ (-) DESPESAS FINANCEIRAS - Representa os juros que a empresa deve pagar aos seus credores oriundos de empréstimos por ela contraídos.
          ◻️ (-) OUTRAS DESPESAS - Aqui entram os gastos que uma empresa não espera incorrer, gastos totalmente fora da atividade dela ou muito incomuns. Exemplos podem ser a perda inesperada de um ativo por incêndio sem seguro ou a contagem errada de dinheiro no caixa, o que gera a necessidade de um ajuste contábil para acerto dos valores.
          ◻️ (+) OUTRAS RECEITAS - São Receitas que não estão diretamente ligadas à atividade econômica da empresa, como por exemplo a Venda de um Ativo Imobilizado ou rendimento de aplicações financeiras.
          ◻️ (=) RESULTADO OPERACIONAL ANTES DO IR E CSLL - Este indicador traz o resultado da conta até aqui, desconsiderando o impacto dos tributos que são cobrados sobre o resultado
          ◻️ (=) LUCRO LÍQUIDO ANTES DAS PARTICIPAÇÕES
          ◻️ (=) RESULTADO LÍQUIDO DO EXERCÍCIO
           

Tendo isso em mente, precisamos ir agora em Financeiro ➡️ Centro de receita/despesa e vincular os centros criados com as segmentações do DRE.

Um centro de receita que está atrelado aos seus contratos, precisa ser configurado na parte de Receita Operacional Bruta - Venda de Contrato. Não escolhe onde vincula no DRE de acordo com o centro de receita/ despesa que criou precisa ver a norma contábil de onde ele deve aparecer no DRE.

!Tome cuidado! Nem todos os seus centros de receitas/despesa são vinculados no DRE se deseja que ele seja contábil, é claro.Pode por exemplo criar um centro de despesa para vincular com o seu gasto de maquinário, mas esse centro não deve ser vinculado ao DRE. Isso porque o maquinário é um ativo imobilizado, e não aparece no DRE. Isso é uma norma que está na Lei, para saber mais a fundo não deixe de ter um papo com o seu contador.

E por fim o mais importante saber é  para que serve a DRE ? Ela serve para verificação se o seu negócio está dando lucro ou prejuízo. É uma forma contábil de verificar também onde está gastando mais e onde menos, ver o quanto de imposto paga e quanto está repassando para sua prestação de serviços. Ver da onde gera mais receita.

Encontrou sua resposta?